segunda-feira, 1 de outubro de 2012

Brasil Doce Lar - Filme


Por: Marcelo Montebras

Aqui temos um filme que expõe a forma como dois imigrantes enxergam o nosso país. Um filme de 27 minutos (aproximadamente), não sei dizer se isso é um curta, media ou longa metragem ou até mesmo se é um documentário, não entendo dessas definições "filmatograficas", porém o que posso dizer é que é muito legal, nos mostra garra, determinação e fé, além de nos fazer aflorar um sentimento de patriotismo, o que vejo com bons olhos, e por favor, não confunda patriotismo com "nacionalismo", embora aja confusão a respeito, as duas palavras são diferentes. 

(O Patriotismo é o amor a pátria, ao lugar onde você nasceu ou adotou como lar e que você espera vê-lo sempre bem, mas de forma sempre harmoniosa. Já o Nacionalismo é uma demência, um estado de  paixão profunda por tudo que é atribuído a uma determinada pátria. No nacionalismo não há amor e nem respeito a pátria, mas sim um estado de apego, falsa esperança, falsa segurança, domínio e repressão (é só procurar na historia sobre fascismo, nazismo e comunismo que são faces desse nacionalismo) e pro nacionalismo a guerra é sempre usada como pretexto para "promover a paz". Sem sombra de duvidas o nacionalismo é obra do mal).

Voltando ao filme, estrelado por Thaís Pacholek, ele conta a historia de dois imigrantes americanos que vem ao Brasil promover sua doutrina, os Mórmons, e acabam se apaixonando pelo nosso país. É preciso assistir ao vídeo sem julgamento de valores, pra que a mensagem seja melhor aproveitada.

Segue o enunciado:


"Em 2007, como forma de demonstrar amor ao Brasil e principalmente amor ao povo brasileiro foi produzido o filme intitulado - Brasil Doce Lar - foi uma produção particular, mas com a intenção de relatar em vídeo a gratidão ao Brasil. Durante gerações, missionário tem tido o Brasil com uma pátria amada.

O filme traz a história de Wayne e Evelyn Beck que estavam casados há três anos e aguardando o nascimento do segundo filho, quando foram designados para servir uma missão no Brasil. Nascidos e criados em fazendas do oeste norte-americano, eles vendem os poucos bens que possuíam para embarcar nesta viagem.

Os receios e inseguranças de uma jovem mãe a caminho de uma terra estrangeira. Os desafios para aprender um novo idioma e o encontro com desconhecidos que se tornam amigos eternos. Wayne e Evelyn estão prestes a conhecer um povo que mudará para sempre a trajetória e a história de sua família."

Brasil Doce Lar - Filme completo

O Legado Compartilhado

Wayne Beck cresceu numa fazenda humilde cercada por montanhas no lado oeste Norte-Americano. Em 1938, com 20 anos de idade, ele navegou o oceano atlântico para servir uma missão numa terra distante, Brasil.

Depois de dois anos e meio, ele retornou aos EUA e conheceu Evelyn, uma mulher bela e doce, que primeiramente tornou-se sua parceira de dança e posteriormente sua parceira eterna, quando se casaram no dia 20 de Junho de 1942.

O jovem casal tinha pouco dinheiro e aguardavam o nascimento do segundo filho, quando Wayne recebeu um convite para retornar ao Brasil para servir uma outra missão. Desta vez, no entanto, ele teria que vender suas poucas posses e levar sua jovem esposa e crianças junto com ele.

Esta é uma história dos receios e inseguranças de uma jovem mãe a caminho de uma terra estrangeira, os desafios para aprender um novo idioma, e de seus relacionamentos com pessoas maravilhosas que se tornariam amigos eternos.

Brasil Doce Lar é inspirado pelas cartas de Evelyn, uma história de como ela cresceu a amar as pessoas, a cultura, o país, e as tradições do Brasil. É um relato de uma jovem família estabelecendo uma identidade individualmente e juntos, enquanto criam laços permanentes de amizade com as pessoas e a terra Brasileira que continua por múltiplas décadas e gerações. 


Site Oficial do Filme:

Para saber sobre os Mórmons, dois sites oficiais: 


---------------------------------------------------------------



Por: Jorge Antonio Oro


Este filme, representou os EUA em um festival de filmes e, por sua demonstração de amor ao Brasil, e por sua contribuição para um mundo melhor e mais fraterno, recebeu um prêmio especial (do circuíto mundial de filmes do Cifft), intitulado "Prêmio Especial Henrique José de Souza", no festival internacional de filmes de turismo Tourfilm Brazil, em 2011. O Produtor veio receber o prêmio das mãos do Sr. Hélio Jefferson de Souza, filho de JHS e presidente da Sociedade Brasileira de Eubiose. Fraterno abraço

Placa (Bloco acrílico transparente, com mapa do Brasil em aço escovado, colocada internamente, com o texto a seguir. Prêmio dado anualmente ao melhor filme do mundo, no sentido de contribuir para um mundo melhor e mais fraterno. É um prêmio reconhecido no circuíto mundial de filmes de turismo do Ciff. Em 2001 o vencedor foi "Brasil Doce Lar".






Nenhum comentário:

Postar um comentário