quarta-feira, 22 de agosto de 2012

Forma-Pensamento e Egrégora


Por: Marcelo Montebras

Um assunto que muita gente desconhece é esse, sobre as formas-pensamento e as egrégoras. O desafio aqui será falar desse assunto de forma mais objetiva. Vamos nessa!

Forma-Pensamento

Precisamos saber que o pensamento é matéria (matéria mental na verdade) e a matéria é responsável por dar forma a qualquer coisa e todo pensamento cria uma forma. Se você pensa num carro,  a sua mente molda esse carro com a matéria mental e em milésimos de segundo você visualiza esse carro em seus pensamentos. As formas-pensamento são essas criações mentais, porém somadas a energia astral (emocional), energia vital e até mesmo física que você envia pra essas mesmas criações de uma forma consciente e, principalmente,   inconsciente, é como se você estivesse energizando esse pensamento afim de torna-lo um ser vivo e é o que de fato você faz (muitas vezes sem saber). Daí as religiões e algumas filosofias nos advertem para termos cuidado com nossos pensamentos. 

Vejamos um exemplo, você tem uma enorme vontade de ajudar uma pessoa, por não poder fazer isso de forma direta, então você fica apenas torcendo pra ela se dar bem. Você começa a visualizar esta pessoa sendo bem sucedida naquilo que ela almeja e a cada vitoria dela a sua vontade de ajudar e a sua emoção (por estar torcendo por ela) vão aumentando... Num determinado momento esta pessoa atinge o seu objetivo principal e você será co-autor(a) deste feito. Oque aconteceu aqui? Simples, você pensou numa situação, colocou emoção nela (o que chamamos de imaginação, que é por a "imagem em ação", porém acrescida de fé/devoção) e ela tomou vida própria, atingiu a outra pessoa e a auxiliou na conquista de um certo objetivo (mesmo que a pessoa não tenha conhecimento disto). Agora tenhamos cuidado, tudo no universo é polarizado ou seja, tem o lado bom e o lado ruim, logo se você faz esse tipo de coisa pra alguém, você receberá de volta do universo na mesma intensidade através da lei do Karma. Se desejou o bem a alguém, receberá o bem que foi desejado de volta. Sendo assim nem é preciso dizer que se você torce pra uma pessoa se dar mal, na verdade você ta cavando a sua própria sepultura. 

É preciso dizer que as formas-pensamento exercem influencia sobre as pessoas, de forma positiva ou negativa, elas ficam orbitando a cabeça da pessoa que as criou, mas também podem ir ao encontro de outras pessoas que tenham uma vibração parecida e também encontrar a pessoa a quem elas são direcionadas. 

Aqui um vídeo muito interessante sobre as Formas-Pensamento: 

"As Formas-Pensamento" 
Programa Conversando com o Mago

Egrégora

Bem, a gente já destrinchou quase tudo lá em cima com as "formas-pensamento", o que cabe aqui é acrescentar alguma coisinha. 

As formas-pensamentos são criações psíquicas geradas por um individuo, já as egrégoras são esse mesmo tipo de criação, porém formada por duas ou mais pessoas (de forma consciente ou inconsciente). É como se fosse a "alma" de um grupo ou o "espirito coletivo". Todos os clubes de futebol, empresas, partidos políticos, religiões, nações, familias (etc), possuem uma alma, a isto chamamos de egrégora. As egrégoras podem ser positivas ou negativas e assim como as formas pensamento, elas também exercem influencia na vida das pessoas (de forma positiva ou negativa) porém com muito mais intensidade, por se tratar de possuir força de um grupo e não de um individuo apenas. Tanto as formas-pensamento como as egrégoras se alimentam da emoções das quais foram criadas. 

Um vídeo muito interessante sobre as Egrégoras 

  Programa Vida Inteligente - Egrégora  

Mais sobre o assunto aqui:

Saudade e Adeus
Espiritualismo

Nenhum comentário:

Postar um comentário